JURIS, A enciclopédia jurídica informa: ao utilizar nossos serviços, você consente com nossa Política de Privacidade e nossos Termos de Responsabilidade. Mais informações

Acordo Smithsoniano

De JURIS, A enciclopédia jurídica

juris.wiki.br

OOjs UI icon language-ltr.svg   Symbol stub class.svg

Acordo Smithsoniano, «acordo estabelecido pelo Grupo dos Dez, em dezembro de 1971, para adotar taxas de câmbio flutuantes. A conferência, realizada no Smithsonian Institute, em Washington, foi convocada para resolver o problema do colapso das taxas fixas de câmbio (adjustable peg), que existiam desde a Conferência de Bretton Woods, em 1944, e indiretamente pela decisão dos Estados Unidos de abandonar o padrão câmbio-ouro. A conferência levou a um acordo em 1972, com a Comunidade Econômica Européia, para limitar os movimentos monetários e cambiais numa faixa estreita de flutuação na CEE, chamada snake (serpente), fixando as taxas de câmbio à moeda mais forte da Comunidade, o marco alemão»[1].

Referências

  1. SANDRONI, Paulo . Novíssimo Dicionário de Economia. 3ª ed. Rio de Janeiro: Best Seller, 1999. ISBN 978-85-712-3654-7. p. 12.